terça-feira, 7 de novembro de 2017

Me escolhe.

Escolhi um vestido, mas não ficou bom. Lembrei de você tirando meu vestido naquela terça feira de cinema. Queria que você arrancasse meu coração. Queria eu poder arrancar meu coração. Enfiar a mão lá dentro do peito e puxar ele. 
O céu hoje está bonito, eu queria que você estivesse aqui. Imaginei a gente namorando sobre a luz da lua e contando histórias engraçadas só para escutar a gargalhada um do outro. Mas você está longe. E o que eu faço com a saudade?
Queria não te escrever mais nada. Queria não te endereçar minhas indiretas. Mas em cada uma delas eu peço para que você cuide de mim... Uma pena você não conseguir enxergar. 
Eu pedi a Deus você de presente, sabia? Em uma noite, eu pedi que Deus me trouxesse alguém que fizesse tudo valer a pena. Que arrepiasse cada pêlo do meu corpo. Que dilatasse minhas pupilas. Alguém que sorrisse com o coração, mesmo quando tem cara de bravo. Alguém que quando falasse comigo acalmasse minha alma. E então você chegou! 
A mão que segurou a minha naquele bar abalou minhas estruturas. Você abriu a porta do carro na hora de ir embora como quem dissesse: Vou abrir pra você voltar mais vezes. E eu pensei que não voltaria mais. Mas voltei. E volto quantas vezes você me chamar, nem ligo se você não abrir a porta, eu mesma abro. Só preciso que você me queira. Só preciso que você me escolha. 
Me escolhe, vai?! Deixa eu te mostrar que comigo é mais gostoso. Que você pode até encontrar alguém mais bonita que eu, mas que só eu vou fazer piadas de coisas idiotas para te fazer sorrir. Deixa eu te mostrar que eu vou estar aqui para te dar colo quando a saudade apertar. Deixa eu cuidar de você. Fazer cafuné, massagem. Deixa eu cantar desafinada para você. Deixa eu te mostrar minha cara amassada nas manhãs de segunda. Deixa eu escrever sobre você. Deixa eu escrever só sobre você. Deixa eu te convidar para o almoço de domingo aqui na minha casa. Cansei de ser sua companhia de sexta, deixa eu ser seu amor de domingo? Deixa eu comprar um filme pra gente assistir no sofá juntinhos? Deixa eu conhecer sua cama? 
Deixa eu falar sem parar só pra você me interromper com um beijo? Deixa eu emburrar por ciúme só para te ouvir dizer que sou a mais linda para você? Vai, me deixa ser uma das partes bonitas da sua vida. Me deixa usar sua camisa. Me deixa usar vestido sem calcinha para te provocar. Me deixa marcas, mas não porque você tá com tesão, mas porque sou sua e de mais ninguém. 
Deixa eu descobrir seus medos... além daqueles que eu já sei. Deixa eu sonhar com você. 
E se nada disso funcionar, se você não aceitar, se não for o bastante para te fazer pensar e mudar de ideia: Me escolhe, e me deixa te fazer feliz?!
Hoje eu pedi pra Deus não tirar você da minha vida, tomara que a vontade dEle coincida com a minha! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário