quarta-feira, 7 de junho de 2017

Conselho de Amiga

Hoje eu acordei feliz porque te conheci.
Já chega de sentir pena de mim mesma ou tentar arrumar um culpado porque não deu certo. Na verdade, deu muito certo.
Você trouxe uma luz diferente pra minha vida, me ensinou em pouco tempo que eu mereço algo melhor, melhor até mesmo que você, não é?
E tudo bem! Agora eu consigo enxergar bem melhor a situação. As vezes Deus permite que certas pessoas e situações aconteçam em nossas vidas, para que estejamos preparados para situações parecidas no futuro, e prontos para a pessoa certa, quando ela chegar.
Não é que eu tenha superado você, mas superei a vontade de estar com você. Agora eu entendo que talvez sejamos melhores separados, você seguindo sua vida e eu a minha. Ainda torço e espero que você supere esse seu medo de amar e se arriscar.
A vida é muito curta para vivermos dosando nossos sentimentos. Aprenda uma coisa, o amor é uma daquelas coisas raras da vida. Se permita senti-lo. Não deixe que ele passe despercebido por você. Quando ele bater a sua porta, receba. Abra, não só a porta mas o coração, a cabeça. É para isso que estamos aqui, para arriscar, tentar, e se cairmos tentar novamente. Essa é a coisa fascinante da vida: Saber que sempre poderemos começar de novo.
Se eu puder te dar um conselho, aqui vai ele: Aproveite as oportunidades que lhe são dadas.
Sorria como se você não fosse mais sorrir. Abrace como se você não fosse abraçar novamente. Diga, antes que seja tarde, qualquer coisa, mas diga! Não se amedronte. Não corra, mas se correr eu desejo que você tenha braços quentes para te acolher. Chore, porque ainda não inventaram remédio antidepressivo mais eficaz que o choro, aquele de desabafo. Coloque pra fora tudo que você achar que deve. Brigue. Não deixe para falar amanhã. Mas não se esqueça de fazer as pazes antes de dormir. Nunca durma brigado com ninguém. Assuma seus afetos. Assuma seus ciúmes. Assuma seus defeitos. Esteja preparado para dias ruins, mas não perca a esperança nos dias bons. Confie. Não importa quantas vezes você quebrou a cara, um novo dia traz consigo novas oportunidades, novas pessoas, e portanto novas chances. Dê uma chance a si mesmo. Perdoe. Aceite que as pessoas erram, mas não aceite que elas te façam de idiota. Quando você for amado, retribua. Quando você for beijado, beije também. Se arrependa somente daquilo que você não fizer, pois o que já fez, está feito, não adianta chorar pelo leite derramado. Grite gol, grite “eu te amo”, não deixe que o medo de perder, ou o mundo cale a sua voz. Esqueça a etiqueta na hora do sexo. Só esteja presente em todas as partes dela. Ligue. Demonstre afeto. Ninguém perde por dar carinho, mas perde por negar. Faça loucura. Seja louco. Pare de se preocupar com todo mundo, se preocupe apenas com você. Aproveite seu filho! Esteja presente mesmo quando ausente, e sempre que ele precisar se lembrará que pode contar com você. Ame. Se apaixone. Tenha por quem voltar para casa. Se sentir saudade, me procure… Se precisar de um ombro amigo, me chame… Se se sentir triste, me ligue… Não se esqueça de mim. E se me esquecer… Você já sabe, que seja bem devagarinho.
Te cuida. Cuide de alguém. Fica bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário